Todas as mulheres estão mais do que acostumadas a todos os meses ter que usar absorvente, mas acontece que algumas podem desenvolver dermatite de contato, popularmente chamado de alergia, devido ao aumento da temperatura e de umidade na genital.

Mas o fato da região ficar abafada não é o único motivo da irritação na genitália feminina, o absorvente higiênico é composto por fragrâncias, películas plásticas, algodão e outras substâncias para absorção do sangue menstrual. Todas essas substâncias são capazes de causar o incômodo na mulher, seja por hipersensibilidade da pele ou alergia.

 Os sintomas são desagradáveis e extremamente incômodos: vermelhidão na pele, coceira, ardência e macerações, que são lesões acompanhadas por umidade. Toda a região que fica em contato com o absorvente pode ser afetada e os sintomas podem durar até mesmo alguns dias após o fim do uso.

Segue algumas dicas a fim de evitar e amenizar essas reações:

  • Mantenha a região íntima sempre seca e limpa;
  • Substitua o papel higiênico por água fria;
  • Troque o absorvente com maior frequência do que está acostumada;
  • Prefira os absorventes com cobertura suave e evite os secos;
  • Substitua o uso de absorvente externo por absorventes internos ou pelos coletores menstruais;
  • Evite roupas apertadas e muito justas;
  • Para amenizar os sintomas, faça compressas com água fria ou chá de camomila.

Caso ainda assim, continue tendo problemas durante o período menstrual, procure um médico para investigar a causa do problema e tratar da melhor forma possível.