Qualidade em Odontologia

 

Aqui no Qualidade em Odontologia você vai ficar sabendo tudo o que precisa para cuidar de sua saúde oral, prevenir doenças bucais e manter seu sorriso bonito e saudável, tudo isso apoiado por um grupo de dentistas especialistas de primeira.

 

Mais sobre Odontologia

Você acorda com dor de cabeça, na mandíbula e nos dentes? Pode ser que você tenha o hábito de ranger seu dente à noite, também conhecido como bruxismo. Muitos dentistas acreditam que esse hábito é causado por stress e ansiedade, mas também pode ser causado por desalinhamento dos dentes.

Várias pessoas nos questionam sobre a melhor idade para se usar um aparelho ortodôntico e se este aparelho deveria ser fixo ou removível. Alguns acreditam ou já ouviram falar que só se deve usar aparelho ortodôntico após a troca de todos os dentes de leite (o que ocorre por volta dos 12 anos de idade).

Muitas vezes, ao se tratar de doenças do sono, é difícil saber qual profissional procurar. Com mais de 80 distúrbios catalogados, pneumologistas, otorrinolaringologistas, neurologistas e psiquiatras podem ser especialistas no assunto.

Pré natal: Siga estes passos para garantir uma boca saudável.

  • Faça um "checkup" dental.
  • Faça uma limpeza e avaliação de seus dentes. Tenha certeza de que todo tratamento seja feito. Os germes que causam as cáries podem passar para seu bebê depois de ele nascer.

O tratamento do canal da raiz dentária consiste na retirada da polpa do dente, que é um tecido encontrado em sua parte interna. Uma vez que a polpa foi danificada, infeccionada ou morta é removida, o espaço resultante deve ser limpo, preparado e preenchido.

Estudo divulgado pelo Instituto de Tecnologia de Massachusetts aponta que a escova de dente é considerada a invenção mais importante da humanidade. No Brasil, segundo a Associação Brasileira da Indústria de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos (ABIHPEC), o consumo de escovas dentais tem aumentado continuamente ao longo dos anos.

O uso diário de fio dental nos dentes é importante para ajudar a promover a saúde geral, até para as pessoas mais saudáveis. Mas os diabéticos devem estar especialmente atentos ao uso de fio dental, além de escovar os dentes.

O enxaguante bucal pode ser uma tentação. Só de olhar o produto parece que o hálito fica fresco na hora. Também, do jeito que a boca arde, todos os germes devem morrer instantaneamente. Mas esse pensamento é coisa do passado.

Entre os efeitos da má higiene bucal estão as cáries, a gengivite, a periodontite e a perda dos dentes. Felizmente, com os cuidados apropriados – como a limpeza correta e regular dos dentes – podemos prevenir a maioria desses problemas.

Descuidar da sua rotina de higiene bucal não apenas coloca seu sorriso em risco, mas também aumenta o risco de desenvolver uma infecção no revestimento ou válvulas do seu coração.

Também conhecida como cáries de mamadeira, as cáries em bebês constituem um grave problema, que pode destruir os dentes de seu bebê — mas o problema pode ser evitado.

Gengivite - uma inflamação da gengiva - é o estágio inicial da doença da gengiva e a mais fácil de ser tratada. A causa direta da doença é a placa - uma película viscosa e incolor de bactérias que se forma, de maneira constante, nos dentes e na gengiva.