Ficar bocejando durante o dia no trabalho ou escola é normal, porém quando esse sono é excessivo é preciso investigar a causa, pois pode ser ocasionado por alguma doença crônica ou disfunção hormonal.

Existem casos em que o sono é tão grande, que o indivíduo adormece em qualquer lugar, não importa o horário, esse fator é característica de uma doença rara chamada narcolepsia, fazendo que a pessoa durma a qualquer momento, mas sem qualidade, acordando com frequência e tendo pesadelos.

A anemia também causa a sonolência devido à redução de hemoglobina no sangue, como há a redução de oxigenação das células, é comum que o paciente fique sem energia e com fraqueza. Ainda há os casos de distúrbio hormonal, como do cortisol e noradrenalina, quando estão desregulados, dificilmente o paciente irá dormir tranquilamente e descansar o cérebro, resultando na sonolência excesso durante o dia.

Há ainda casos de sono excessivo por dificuldade de dormir durante a noite, onde se encaixam as pessoas com apneia do sono, que consiste na dificuldade de respirar enquanto está dormindo, ou pessoas com insônia, que são pessoas que despertam a noite e não conseguem voltar a adormecer.

Mas ficar sentindo sono enquanto não pode dormir não é a pior parte, o preocupante é que as pessoas que não conseguem dormir mais do que seis horas por dia, correm mais riscos de sofrerem um acidente vascular cerebral, desenvolver hipertensão, arritmia ou infarto, além do que ficam mais propensas a se tornarem obesas e diabéticas.